8

Esta saudade está-me a esmagar contra a parede, vou ficando desgastada, exausta e faz com que esta vontade de largar tudo e todos os lugares que me fazem recordar-te pule cá para fora de uma força demasiado bruta, e já pensei em deixar-te, aqui ou ali, e também pensei em deixar-me, neste lugar. Sabes nem uma esponja do tamanho do mundo, vai conseguir absorver o meu grande amor excessivo por ti. A única coisa que eu precisava neste respectivo momento era uma injecção para aliviar toda esta dor, e talvez anestesiar uma grande parte dela, só por hoje, por hoje, logo hoje, mas amanhã voltaria a te-la, mais forte ainda, e mais, mais, mais (...) mas hoje, logo hoje, preciso de aliviar esta dor, seja de que maneira for e a distância ainda continua a ser a pior barreira entre nós. Tens mesmo de ser tão cruel distância? Só tu para bloqueares as minhas vontades e que o deixas para além do meu alcance.

8 comentários:

  1. Queeee lindo, possa! Adorei *-*
    Sinto tudo isso, precisamente igual :$

    ResponderEliminar
  2. oh, só por saber que te sentes bem ao ler o que eu escrevo já fico tão feliz *-*
    obrigada eu pequenina (L)

    ResponderEliminar
  3. uma dor que sufoca.. que vai matando.
    e não mata logo de uma vez, isso é o pior.

    ResponderEliminar